Dia do Bem

Snezhana Soosh2

Reviro os olhos e torço o nariz para datas comerciais, sempre.

Se dia dos pais é todo novo dia, o consumo também deseja essa nobreza. Mas não dá, capital, afeto é companheiro de alma.

Gosto de sentir essa data como um presente de união, seja de sangue, papel ou já uma saudade.

Dia de todos se aprontarem em frente à câmera, agradecidos pelos sons saborosos em volta da mesa, e darem seu sorriso mais sincero, mesmo que resulte em fino risco.

Hoje precisei de uma dose de comédia para saltar os dentes.

Meu pai e eu temos mais em comum do que minha razão julga saber. Não forçamos o riso nem nos estendemos em lugares onde o coração está ausente.

Hoje o feliz dia é de quem quer o meu, o seu, o nosso bem. Cada proteção transborda amor com um olhar diferente.

Obrigada por me desejar nada mais que felicidade. Sou toda a luz de eterna gratidão.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s