Microsegundos

arianaperez

Nos primeiros lances quentes abrindo a cortina do dia, eis que meu vizinho reflexo de luas se apresenta à respiração que se prende.

Uma pompa modesta, sem esforço para fisgar pausas de renovações acolhedoras.

Incógnita cósmica, vem e bate as asas na velocidade que lhe convém.

É beija-flor que invade meu espaço sagrado, enquanto me debato na saga pelas palavras. Susto de encher os olhos.

Será que nosso pulso bate junto nesse agora? Gosto de acreditar que sim.

Também gosto de acreditar que todo espaço de magia me cumprimenta acima de qualquer abertura, fissura ou fechamento de vida.

As melhores pausas chegam sem aviso, cortejo de beleza surpreendida.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s