Recomposição

andrea wan

Desses dias em que não me dissolvo

sou só pedra bruta confiada ao sol.

Quando ele vem queimando meu rosto sintetizado

eu sinto o fogo

calor inquieto

e me mudo de lugar

pra voltar a me sentir fria

e depois me aquecer novamente.

Tudo o que é abundante e vibra largo ao meu redor

me faz voltar à vida

e a me lembrar de que o verdadeiro sol

nunca recua de dentro do meu peito.

Mora, demora

reside demorado

até chegar noite passageira.

Ponte a me desligar do aprisionamento

e a flutuar meu espírito aliviado

em direção aos amores eternos que,

temporariamente,

esqueci.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s